É possível utilizar o Pix com cartão de crédito?

0
716

Desde que foi lançado, o Pix é um sucesso total. Sua facilidade revolucionou o mercado financeiro brasileiro, gerou memes, já virou letra de música e hoje é mais popular do que TEDs e DOCs em número de transações. O Pix também gera uma série de dúvidas e a do momento é: “posso utilizar Pix com cartão de crédito?”

Teoricamente, não é possível utilizar o Pix em pagamentos por crédito, mas algumas pessoas conseguem utilizar desta forma. Deu curiosidade? Então continue conosco e entenda.

O que é o pix?

O Pix é uma operação para pagamentos instantâneos e transferência de valores entre contas. Ou seja, para isso é preciso ter saldo em conta para realizar o pagamento. Assim como as transferências tradicionais, como TEDs e DOCs, o Pix é realizado a partir do saldo em conta, transferido para outra conta. O mesmo vale, por exemplo, para um pagamento de título ou boleto.

Dá pra fazer Pix com cartão de crédito?

Por ser uma modalidade de transferência de saldo entre contas, o Pix se configura como um pagamento à vista. Ou seja, teoricamente é preciso ter saldo em conta para realizar a operação e não dá pra pagar no crédito. Contudo, recentemente algumas instituições financeiras passaram a liberar essa função também para pagamentos no crédito. É por isso que algumas pessoas conseguem realizar o Pix com cartão de crédito.

Então como funciona o Pix por crédito?

O processo tem algumas etapas extras e não é exatamente um Pix no crédito. Para fazer, o cliente deve utilizar uma porcentagem do limite estabelecido pelo seu banco na função crédito. Qualquer valor dentro desse limite pode ser utilizado. Esse dinheiro é transferido para a conta corrente e então pode ser utilizado para fazer o Pix.

Contudo, apesar da prática ser conhecida na internet como Pix pelo cartão de crédito, não é bem assim que funciona. Por se tratar de utilização do limite do cartão, é uma operação de crédito extra, que funciona como um empréstimo. Como todo tipo de operação deste tipo, há uma taxa de juros após o serviço ser contratado.

Mas vale a pena fazer o Pix no cartão de crédito?

Até o presente momento, poucas instituições bancárias liberaram esse tipo de serviço. Alguns bancos oferecem a oportunidade de utilizar o limite do cartão para fazer saques ou para deixar saldo disponível na conta corrente. Com o saldo em conta é possível fazer o que desejar com ele, inclusive um pagamento via Pix. Mas será que compensa?

O grande problema é que as taxas de cartão de crédito estão entre as maiores do mercado e você pode se surpreender ao receber a próxima fatura. Se você está em dúvida em fazer esse procedimento ou não, a dica é ler as regras e se atentar para as condições estabelecidas pela instituição. Se vale a pena ou não, é um questão para ser observada de acordo com cada caso.

Quais as outras opções disponíveis?

Como as taxas de cartões de crédito são as mais altas do mercado, ultrapassando as do empréstimo pessoal, por exemplo, vale a pena considerar outras opções. As taxas do cartão de crédito podem chegar a 9,9% ao mês, um valor bem maior do que a média de juros dos empréstimos pessoais. Se você precisa do saldo em conta naquele momento para o Pix, pode ser melhor recorrer ao empréstimo de outra maneira.

Outra opção é usar serviços de carteira digital para parcelar. Se você precisa pagar uma conta ou boleto, por exemplo, alguns serviços bancários oferecem a opção de parcelar em até 12x. Assim não é preciso abrir conta em outro banco, passar por processos difíceis e demorados e nem mesmo pagar juros altíssimos.

Gostou deste conteúdo? Então leia também como consultar o PIS.