Reserva de Emergência: Comece a sua agora!

0
761
reserva_de_emergencia

Você sabe o que é reserva de emergência? Não?! Então pode deixar que a gente explica pra você =)

Imagine essa situação, você teve gastos que estavam dentro do seu orçamento daquele mês, porém de última hora surge um imprevisto financeiro que pode comprometer boa parte da sua renda, ai você pensa: o que vou fazer agora?

É nesse momento que entra a reserva de emergência!

Ela é importante, pois te ajuda na hora dos imprevistos e evita que você contraia dívidas nesses momentos.

Por isso, hoje vamos dar 3 dicas para você começar a sua reserva de emergência!

  1. Abra uma poupança

Sabemos que guardar dinheiro não é uma coisa fácil, sempre que sobra um pouquinho gastamos sem pensar com coisas, que muitas vezes são desnecessárias, por isso, a primeira dica é: Abra uma poupança!

Assim, toda vez que você receber o seu salario, e pagar suas contas, guarde o que sobrar nela e não corra o risco de gastar! Dessa maneira você constrói também o seu controle financeiro e não corre o risco de contrair dívidas.

Dica extra: Se você quer abrir sua poupança sem pagar taxas e ainda ter a ajuda para fazer o seu dinheiro render mais, conheça a Diin.

2. Defina metas e guarde dinheiro para realizá-las

Muitas vezes o que nos ajuda a guardar o nosso dinheiro é impor metas que queremos realizar, seja em curto, médio ou longo prazo. Por isso, faça uma listinha com as suas metas, estipule uma data e comece a guardar o seu dinheiro na poupança para concretizá-las. Assim, você realiza os seus desejos e fica no azul. =)

3. Se der, invista o seu dinheiro

A palavra investimento pode causar um certo receio em muitas pessoas, mas depois que você entende qual tipo é o melhor para o seu perfil, tudo fica mais fácil!

Lembra da Diin que comentamos lá em cima, então, além de ser uma poupança, eles te ajudam a investir em Títulos Públicos mais rentáveis para você e com total segurança.

Essas foram as dicas que a BLU365 separou para você! E ai, bora começar a sua reserva?

Leia também: 10 dicas de como gastar menos e fazer o seu dinheiro durar mais