Parcelamento de dívida: saiba como pode parcelar débitos

0
666

De acordo com dados do Serasa, 63,4 milhões de brasileiros começaram o ano de 2022 com dívidas. Em busca de maneiras acessíveis de como regularizar a situação, os endividados podem contar com uma facilidade: o parcelamento de dívida.

Com o intuito de tornar o momento da negociação mais fácil ao endividado, essa opção pode ser o mais recomendável para tirar as finanças do vermelho e finalmente limpar o seu nome. Afinal, nem todo mundo possui condições para quitar sua dívida com o pagamento à vista. Mas será que essa opção é recomendada para todos os casos? Continue a leitura, descubra se é a melhor opção para você e como fazer para parcelar.

Parcelamento de dívida: vale a pena?

Pessoas endividadas contam com algumas facilidades no momento de regularizar a sua situação. Além dos descontos oferecidos no momento da negociação da dívida, o inadimplente também possui a opção de parcelar o pagamento. Os descontos costumam estar disponíveis nas duas escolhas, apesar de serem maiores no pagamento à vista. Contudo, o parcelamento pode ser vantajoso em algumas situações.

Portanto, ao escolher a forma de pagamento ao regularizar a sua situação, o inadimplente deve fazer um diagnóstico da sua atual situação financeira e decidir o que vale mais a pena para o seu caso. Muitas pessoas acreditam que pagar à vista é sempre a melhor opção, mas não é regra, pois em alguns casos o inadimplente não consegue arcar com essa despesa. Portanto, considere os seguintes fatores.

Há orçamento disponível para o pagamento à vista?

Pagar à vista é uma boa opção, mas nem sempre será a melhor opção para todos. Afinal, é preciso ter o valor disponível no momento da negociação. Além de ter esse valor, é preciso que o pagamento da dívida não comprometa o seu orçamento mensal, afinal, se isso acontecer você corre o risco de se endividar novamente.

Portanto, pagar à vista, apesar dos descontos, só vai compensar para o inadimplente que possui esse valor disponível, sem que comprometa de alguma forma significativa o seu orçamento.

A dívida possui juros correndo enquanto você não negocia?

Muitas pessoas acreditam que a melhor estratégia para negociar uma dívida é juntar o dinheiro até conseguir pagar à vista. Contudo, caso a dívida esteja com juros correndo neste período, não é uma estratégia vantajosa. Enquanto você junta o dinheiro, com o passar dos meses a sua dívida fica maior. Neste caso, é mais vantajoso já fechar um acordo e começar a regularizar a sua situação, ainda que aos poucos.

Posso honrar as parcelas do acordo?

Ao optar pelo parcelamento, há diversas opções disponíveis ao inadimplente, incluindo parcelamentos com maior número de parcelas e valores mais acessíveis. Também é possível realizar o pagamento em menos parcelas, mas com valores mais altos. Neste momento, é preciso refletir novamente, considerando seu orçamento.

É preciso escolher uma opção que não comprometa a renda, ainda que leve mais tempo para finalizar o pagamento. Afinal, ao não honrar o seu pagamento, uma nova dívida se forma entre você e a empresa credora. Portanto, analise sua situação financeira e escolha entre os acordos disponíveis aquele que for mais vantajoso e ideal para você.

Como optar pelo parcelamento de dívida?

Na BLU365 oferecemos condições especiais para a quitação da sua dívida. Oferecemos até 99% de desconto e também a opção de parcelamento de dívida. Ao consultar a sua situação, apresentamos diversas oportunidades de acordo. O processo é 100% online, veja como negociar e parcelar.

  1. Acesse o site da BLU365;
  2. Informe seu CPF;
  3. Em seguida, na próxima tela aparecerão os acordos disponíveis para você;
  4. Então, selecione a opção parcelamento de dívida. Escolhendo a opção mais vantajosa e que cabe no seu orçamento;
  5. Depois, basta gerar o boleto e pagar pelo app do seu banco, carteira digital, internet banking, entre outros canais.

Viu como é fácil negociar e optar pelo parcelamento de dívida com a BLU? Você não precisa pegar filas e realizar o pagamento em bancos, tudo é feito no conforto e segurança da sua casa.

Tem alguma dúvida sobre o parcelamento de dívida? Deixe nos comentários.