Restrições com nome sujo: o que posso e o que não posso fazer?

0
1949
restrições com nome sujo

Ficar com o nome negativado pode ser uma boa dor de cabeça. Além da preocupação constante com a dívida que deve ser paga, existem restrições com nome sujo que podem impactar bastante a vida da pessoa.

É muito importante saber todas essas restrições e o que pode ser feito nessa situação. Continue a leitura para conferir!

O que pode acontecer?

A maioria das restrições com nome sujo não são certeiras, e podem variar de acordo com a instituição. Conheça as principais.

Abertura de contas bancárias

Essa regra depende da política da instituição financeira, mas os bancos possuem total liberdade para vetar a abertura de novas contas se a pessoa possui o nome negativado. Isso acontece pois o nome sujo é um alerta para as instituições, de que existem chances do cliente não honrar o pagamento.

Porém, isso não quer dizer que o banco pode cancelar sua conta. Ao mesmo tempo, se estiver devendo para o banco em que tem conta, eles podem debitar o valor da dívida de sua conta corrente, mas nunca utilizando o cheque especial para tal.

Dificuldade em conseguir novas linhas de crédito

Financiamentos, empréstimos e outros tipos de linhas de crédito podem ser bem difíceis para quem está com o nome sujo. Assim como no caso anterior, o nome negativado é um indício que o cliente não honrará os pagamentos.

Na maior parte dos casos, o empréstimo mais fácil para negativados é o consignado, visto que ele é descontado diretamente da folha de pagamento. Porém, não é recomendado pegar novos empréstimos quando se possui uma dívida.

Impedir contratações

Em 2012, o Supremo Tribunal Federal determinou que empregadores podem deixar de contratar uma pessoa caso ela esteja com o nome sujo. Por mais que essa decisão seja polêmica, ela é válida e fica a critério do empregador tomar a decisão final.

Cobrança judicial

Outra coisa que pode acontecer é sofrer cobranças judiciais. Nesses casos, quando a decisão é favorável à empresa, o não pagamento da dívida torna-se uma violação de lei, podendo ter consequências sérias.

Cancelamento de cheque e cheque especial

Outra restrição com nome sujo é em relação a talões de cheques e do cheque especial. Caso a instituição assim desejar, ela pode cancelar tanto talões não utilizados quanto valores do cheque especial.

Matrícula em universidades privadas

Por necessitar pagamento de mensalidades, universidades particulares também conferem a situação do nome do interessado antes de aceitar a matrícula. Caso o nome esteja negativado, elas podem rejeitar o pedido de matrícula.

É importante notar que isso pode acontecer até no ato de rematrícula, que é feito anualmente. Ou seja, a universidade pode rejeitar o retorno do aluno caso ele esteja com o nome sujo.

O que posso fazer?

Utilizar cartão de crédito

Por lei, os bancos e emissoras não podem cancelar seu cartão de crédito por conta do nome sujo, ou seja, é possível continuar utilizando-o nessa situação.

Porém, lembre-se que o cartão de crédito é um dos principais motivos de dívida no Brasil. Sempre que puder, evite usá-lo quando estiver com o nome negativado!

Emissão de documentos

Uma pessoa com nome sujo, diferentemente do que muitos acreditam, pode emitir passaporte, visto para alguns países e outros tipos de documentos. Porém, lembre-se que a emissão deles pode ser cara, então verifique se não pode fazê-lo depois de limpar o nome.

Renegociar a dívida

Uma pessoa com o nome sujo não apenas pode como é muito recomendado que renegocie sua dívida. Com valores atraentes, elas são uma boa saída para sair da situação. Além disso, a partir do primeiro pagamento, o nome fica limpo.

Quer renegociar a sua dívida? A BLU365 te ajuda! Clique aqui para saber mais!

A BLU365 tem descontos exclusivos para você negociar sua dívida com um valor que cabe no seu bolso! Clique no botão abaixo para consultar.