4 dicas para não cair em golpes nesta Black Friday

0
1926

A Black Friday é um dos eventos mais esperados do ano. Em 2020 ela está programada para acontecer no dia 27 de novembro e muitas pessoas estão animadas para aproveitar as promoções. No entanto, para aproveitar as promoções, é preciso atenção para não cair em golpes, especialmente em compras online.

A data vem movimentando muito dinheiro no Brasil, o que é uma oportunidade para lojas, consumidores e também para golpistas. Para não cair na “Black Fraude”, confira algumas dicas a seguir e aproveite suas compras com segurança! 

1. Atente-se aos produtos com falsos descontos

Esse truque é muito famoso. Muitas lojas dobram o preço dos produtos dias antes da Black Friday e depois os apresentam por metade do preço. Você não quer cair na tentacão de comprar algo pela metade do dobro, não é mesmo? Cuidado para não se deixar influenciar por esse truque e comprar algo pelo mesmo preço de sempre. Para se prevenir desse golpe, acompanhe o histórico de valor dos produtos antes da Black Friday. Isso também te ajuda a definir exatamente o que você quer comprar para não consumir além do necessário e se endividar.

Para acompanhar os preços nos sites você pode utilizar alguns sites como: Buscapé, Zoom e Reduza. Assim você pode fazer suas compras com a tranquilidade de saber que está fazendo boas escolhas.

2. Previna-se de compras em sites fraudulentos

É preciso tomar cuidado com sites fraudulentos durante o ano todo, no entanto, em datas específicas eles tendem a aparecer mais. É comum que golpistas criem cópias de sites famosos para enganar os consumidores. Atente-se aos detalhes do nome do site, às cores e desconfie de ofertas muito atrativas. Além disso, antes de comprar observe o certificado de segurança (https) e o símbolo de um cadeado na barra de endereços.

Acesse o site registro.br para verificar quem está por trás do site. Golpistas geralmente utilizam e-mails de domínio gratuitos como gmail e hotmail. Empresas reais jamais irão utilizar e-mails com domínios gratuitos. O Procon disponibiliza uma lista de sites fraudulentos para se atentar e não acessar.

Consulte seu CPF grátis e veja as ofertas disponíveis 😉

3. Cuidado com links de golpistas 

Geralmente a caixa de e-mail filtra o spam, mas vez ou outra alguns e-mails maliciosos caem na caixa de entrada. Eles podem apresentar nomes de sites famosos e conter ofertas atrativas sobre a Black Friday, mas atente-se. Geralmente apresentam links que direcionam para sites fraudulentos ou pedem seus dados para aplicar golpes. Se você já costuma acessar promoções em seu e-mail, certifique-se de que o endereço que o enviou siga os padrões da loja em questão.

4. Não clique em pop-ups duvidosos

Muitos sites, mesmo os que não são de compras, podem ter banners e pop-ups com links maliciosos. Ao clicar, você pode receber um vírus em seu computador. A dica é não clicar em nada que seja duvidoso e, além disso, instalar um bom programa antivírus em seu computador. Assim, você pode aproveitar suas compras na Black Friday sem problemas!

Ao se atentar para as possibilidades de golpe, a Black Friday pode representar uma boa oportunidade para comprar o que você está precisando. Conte sempre com a BLU365 para manter sua saúde financeira!