Coronavírus: 10 dicas de prevenção contra a contaminação

0
2055

O novo coronavírus já foi declarado como pandemia pela Organização Mundial de Saúde. Com milhares de casos confirmados no Brasil, é muito importante que toda a população tome cuidado e fique de olho nas recomendações para prevenção ao novo coronavírus.

O Covid-19 é uma pandemia séria, mas não é momento de gerar pânico. Ao invés disso, o mais recomendado é se informar com fontes confiáveis e colocar em prática as dicas de prevenção. Quando contribuímos para “achatar a curva”, significa que estamos ajudando a desacelerar a disseminação do vírus para que o número de casos se espalhe ao longo do tempo ao invés de haver picos logo no início. Assim garantimos que nosso sistema de saúde terá capacidade de ajudar a todos que de fato precisarem. Continue a leitura para conferir!

1. Lave bem as mãos e evite tocar na boca, nariz e olhos

A melhor forma de prevenção ao novo coronavírus é lavar as mãos frequentemente. É muito importante que essa lavagem seja feita de maneira efetiva, pois apenas uma “passadinha” de água e sabão não é o suficiente.

A recomendação é lavar as mãos por no mínimo 20 segundos, entrelaçando os dedos e garantindo que todos os cantos dela, os dedos e as unhas estejam limpos. Enxágue e seque com uma toalha de papel.

Em caso de falta de sabão ou impossibilidade de lavar as mãos, utilize álcool em gel 70%. Mesmo com as mãos limpas, evite tocar na boca, nariz e olhos, para evitar a contaminação.

2. Limpe objetos e superfícies

Não basta apenas limpar as mãos, é necessário também limpar superfícies e objetos que podem estar contaminadas com o vírus. Você pode usar o álcool em gel para limpar objetos de uso frequente, como celulares, teclados de computadores, mesas e talheres.

3. Tussa com o braço ou um lenço na frente, e não a mão

Tanto para o coronavírus quanto para outros vírus, como o da gripe, espirrar ou tossir nas mãos é uma forma de facilitar a contaminação de objetos e pessoas com quem você entra em contato. Por isso, sempre cubra a boca com o antebraço ou com algum lenço de papel, e nunca com a mão.

Depois disso, lave as mãos imediatamente, jogue o lenço no lixo e higienize os locais que podem ter sido contaminados.

4. Evite sair de casa

Como o contato é pelo ar, todo e qualquer ambiente com pessoas infectadas, mesmo que sem sintomas, pode ser perigoso. Por isso, a maior recomendação é evitar sair de casa quando não for necessário.

Se você está contaminado ou apresenta qualquer um dos sintomas, é ainda mais importante evitar sair de casa a todo o custo, assim como as pessoas que tiveram contato com você. Saia apenas para buscar o tratamento necessário. Proteja as pessoas ao seu redor! Lembre-se: quarentena não é férias!

Se tiver alguma dívida em atraso para negociar, voce pode gerar seu boleto online no site da BLU e fazer o pagamento através do aplicativo do seu banco ou outros aplicativos de pagamento, como RecargaPay e PicPay. Assim você evita filas e o contato com outras pessoas, e não deixa os juros acumularem!

5. Caso seja possível, trabalhe de casa

Se o seu tipo de trabalho permitir essa facilidade, não hesite em fazer home office. Trabalhando de casa você evitará o contato com pessoas não só no ambiente de trabalho, mas também no caminho até lá.

Se a sua empresa ainda não falou nada sobre essa possibilidade, vale a pena perguntar para o seu departamento de Recursos Humanos ou supervisores. Dessa forma, todos podem usufruir de uma facilidade que pode fazer toda a diferença para a sociedade.

6. Demonstre o afeto com a generosidade, e não com o contato

Muitas pessoas gostam de cumprimentar os outros com abraços, apertos de mão e beijos no rosto. Por mais que esses hábitos sejam calorosos e bem brasileiros, é necessário evitar essa forma de contato próximo.

Deixar de cumprimentar pessoas dessa maneira não é falta de educação, é prevenção pela sua saúde e de todos. Dê suporte aos seus familiares, amigos e vizinhos através de ligações. Pergunte aos idosos que conhece se precisam de algo.

7. Compre racionalmente e sem pânico

Viralizaram imagens na internet de supermercados e farmácias com prateleiras de papel higiênico e álcool em gel esvaziadas. Muitas pessoas procuram, na hora do medo, estocar itens sem necessidades, e infelizmente o efeito disso não é nada bom: muitas pessoas ficam sem esses itens básicos.

Sabe-se que essas pessoas não fazem isso por maldade, mas sim pânico. Porém, é necessário pensar no próximo – e no orçamento – e comprar com a cabeça, e não com o medo.

8. Use máscara apenas se tiver sintomas

Muitos acreditam que a máscara é uma maneira efetiva de prevenção, mas isso não é verdade. Ao usar máscaras, muitas pessoas “relaxam” com os cuidados e podem ser infectadas por colocar a mão no rosto depois de encostar em uma superfície contaminada, por exemplo. Além disso, a superfície externa da máscara pode acabar servindo como “coletora” do vírus, e ao ajustá-la ou retirá-la sem o cuidado correto, pode causar a contaminação.

O ideal é usar máscaras apenas se estiver com os sintomas (tosse, febre ou dificuldade para respirar) e realmente precisar sair de casa. Dessa forma, você não corre o risco de infectar outras pessoas.

9. Peça receitas de longa duração

Muitos profissionais da saúde estão recomendando pedir receitas de maior duração para os remédios de uso frequente, assim diminuindo a necessidade de sair de casa para comprar ou retirar o produto.

Nesse período, deixe para ir em hospitais e locais com possível circulação de pessoas infectadas apenas quando houver necessidade ou exibir sintomas do coronavírus.

10. Procure ajuda médica se houver sintomas

Se tiver febre, tosse ou dificuldade para respirar, não hesite e procure ajuda médica o mais rápido possível. Evite ir até o hospital ou posto de saúde de transporte coletivo ou com aplicativos, para evitar a disseminação do vírus.

Se cuidando e ficando de olho nas melhores formas de prevenção, fica mais fácil manter-se protegido e ajudar no controle da doença.

Resumimos todas essas dicas no infográfico abaixo. Assim fica ainda mais fácil de lembrar e compartilhar: